Coca-Cola apresenta protótipo de garrafa de papel

por embala_ne
0 comentário

A Coca-Cola Europa apresentou o primeiro protótipo de uma garrafa de papel, desenvolvida em parceria com a start-up dinamarquesa Paboco (que vai fornecer garrafas de papel para a cerveja Carlsberg e para o uísque Johnnie Walker).

A multinacional de refrigerantes divulgou um vídeo mostrando o desenvolvimento da nova embalagem no seu laboratório de Bruxelas, na Bélgica (veja abaixo).

Por enquanto, o corpo da garrafa é feito de papel, mas ainda há um revestimento interno de PET e uma tampa plástica, mas o objetivo da companhia é ter uma embalagem 100% à base de celulose.

Dentro do plano Mundo sem Resíduos, da Coca-Cola, a meta é, até 2030, coletar e reciclar uma garrafa ou lata para cada embalagem do mesmo tipo que a companhia vender, reduzindo substancialmente o uso de materiais virgens e usando apenas materiais de embalagem 100% recicláveis.

“Nossa visão é criar uma garrafa de papel que possa ser reciclada como qualquer outro tipo de papel, e este protótipo é o primeiro passo no caminho para isso. Uma garrafa de papel abre um novo mundo de possibilidades de embalagem, e estamos convencidos de que a essa embalagem tem um papel a desempenhar no futuro”, diz Stijn Franssen, gerente de Inovação de Embalagem EMEA (Europa, Oriente Médio e África) da Coca-Cola, que está trabalhando no projeto.

Franssen diz que ainda há muito trabalho a ser feito para alcançar essa visão de uma garrafa de papel reciclável, já que a embalagem de papel de primeira geração ainda contém algum plástico. “Este protótipo de garrafa de papel ainda consiste em um invólucro de papel com uma tampa de plástico e um revestimento interno de plástico. Esse plástico que usamos é feito de matéria-prima 100% reciclada e que pode ser reciclada novamente após o uso. Mas nossa visão é criar uma garrafa de papel que possa ser reciclada como qualquer papel. O próximo passo é encontrar uma solução para criar uma garrafa sem o revestimento de plástico”, explica Franssen.

Assim como outros tipos de embalagem, a garrafa de papel do futuro deve aderir aos mesmos padrões de segurança e qualidade para embalagens de alimentos que se aplicam atualmente. A Coca-Cola está submetendo a garrafa a testes abrangentes no laboratório para ver como ela se comporta na geladeira, quão forte é e quanto protege as bebidas carbonatadas. “Também refletimos sobre como nossos consumidores reagirão a essa garrafa. São considerados tópicos como quando e onde pode ser vendida e como pode ser reciclada”, afirma Franssen gerente da Coca-Cola. Ele acredita que as soluções tecnológicas futuras ajudarão a alcançar a visão de uma garrafa de papel reciclável, e a embalagem possa fazer parte do portfólio da Coca-Cola e ser usada para uma ampla gama de bebidas.

 

Compartilhar

Você pode gostar

Deixar um comentário